DIREÇÃO GERAL E FINANCEIRA

O “Desempenho econômico” é uma questão primordial para o bom funcionamento das organizações. Esse desempenho pode ser dividido em vários aspectos :

  • Otimização da organização e dos processos : conciliando organização, desempenho econômico e criação de valor

  • Gestão estratégica : coordenar a execução operacional da estratégia usando a abordagem do Balanced Scorecard

  • Programas de otimização de custos : implementação de planos de competitividade para a criação de valor

  • A implementação de modelos de negócios (custeio de produtos e serviços) e do modelo de simulação para projetar a trajetória econômica ao longo de vários anos, alinhando-a com a estratégia global da empresa

Engenharia de Custos
DIAGNÓSTICO DA PERFORMANCE ECONÔMICA
SEUS OBJETIVOS

Estabelecer um diagnóstico da situação atual em termos de desempenho econômico

  • Analisar recursos (humanos, compras, matérias-primas quando aplicável, depreciação, subscrições e aluguéis)
     

  • Calcular os custos diretos, industriais ou terciários: compras, mão-de-obra, meios de produção, manutenção, consumíveis, etc.
     

  • Integrar os custos de escritório com Pesquisa & Desenvolvimento da cadeia de suprimentos
     

  • Integrar o custo da área comercial, marketing e todas as áreas de suporte (conforme padrão da DFCG – Associação de Diretores Financeiros e de Controle de Gestão – França)

NOSSA EXPERIÊNCIA

Uma abordagem industrial e ferramental

  • Uma metodologia baseada na abordagem do Custeio ABC (Activity Based Costing)
     

  • A compreensão profunda dos padrões disponíveis no mercado (DFCG, CIGREF, UDA, …)
     

  • Feedback de ambientes plurais (indústria, serviços, energia, setor público, …)

SEUS RESULTADOS

Um relatório completo de diagnóstico

  • Um modelo de atividades definido e valorizado
     

  • Um posicionamento de referência das funções transversas
     

  • Uma avaliação do nível de maturidade do modelo de custos existente
     

  • Um relatório claro sobre as recomendações identificadas

MODELO DE CUSTOS COMPLETO POR LINHAS DE PRODUTOS E SERVIÇOS
SEUS OBJETIVOS

Entender, administrar e antever seus custos

  • Mensurar, entender, analisar os custos dos seus produtos e serviços
     

  • Analisar as contribuições nas margens
     

  • Identificar os pontos para melhora da competitividade

NOSSA EXPERIÊNCIA

Uma abordagem industrial e ferramental

  • Uma metodologia baseada na abordagem do Custeio ABC (Activity Based Costing)
     

  • Um perfeito conhecimento dos modelos e padrões do mercado :
     

    • “Modelo de análise e benchmark de custos de TI” do CIGREF (Associação de grandes empresas e administrações públicas francesas).
       

    • O “Modelo de custos e de benchmark de funções transversas” da DFCG (Associação de Diretores Financeiros e de Controle de Gestão – França)
       

    • O “relatório de cálculo dos custos de relacionamento com cliente” da AFRC (Associação Francesa de Relacionamento com Clientes)
       

    • O “relatório de custos de marketing, vendas e comunicação” da UDA (Sindicato dos publicitários – França)
       

  • A capitalização de nossos modelos de negócios e feedbacks de ambientes plurais (indústria, energia, terciário, setor público, …)

SEUS RESULTADOS

Um modelo completo

  • Um modelo de custos estruturado e valorizado
     

  • Identificação e medição de indicadores de performance para as suas operações
     

  • Qualificação de pontos de otimização
     

  • Uma construção orçamentária simplificada, permitindo a avaliação de cenários de serviços e atividades

 
Planos de competitividade
PROGRAMA GLOBAL DE OTIMIZAÇÃO DE CUSTOS
SEUS OBJETIVOS

Reduzir os custos garantindo a qualidade e a geração de valor para os clientes

  • Compreender a estrutura de custos através de uma visão de tarefas
     

  • Identificar e qualificar os ganhos potenciais, por pontos de atuação
     

  • Mobilizar as equipes e stakeholders
     

  • Assegurar a implantação harmoniosa do programa de competitividade
     

  • Garantir que os ganhos anunciados serão constatados nos resultados da empresa

NOSSA EXPERIÊNCIA

Uma abordagem no coração da expertise da Consultoria

  • A experiência acumulada no acompanhamento de muitas organizações em setores variados de atividades
     

  • A profunda compreensão dos recursos de sua organização para criar um plano sob medida e não simplesmente um desmembramento de práticas usuais
     

  • Uma abordagem baseada na metodologia Valoptia.APM, que permite que nossos consultores concentrem-se nas atividades de formalização, consolidação e geração de relatórios automatizados.
     

  • Uma dupla competência profissional / econômica que vai além de um simples gerenciamento de projetos

SEUS RESULTADOS

Um programa de otimização estruturado, pronto para ser implementado

  • Equipes operacionais capacitadas desde o  início por uma abordagem estruturada com a ajuda de ferramentas
     

  • Gerência garantida por uma gestão segura a nível operacional e econômico.
     

  • Resultados claros : planos de ação, relatórios de síntese do programa, consolidações econômicas das possibilidades e ganhos

OTIMIZAÇÃO ORGANIZAÇÃO E PROCESSOS
SEUS OBJETIVOS

Ser uma organização mais preparada e adaptada à área de atuação

  • Alinhar a organização com a estratégia
     

  • Assegurar-se da competitividade global da organização
     

  • Direcionar a organização para atendimento das expectativas externas, principalmente dos clientes
     

  • Ganhar em agilidade dentro de um ambiente onde o horizonte de visão é mais curto que os ciclos dos investimentos

NOSSA EXPERIÊNCIA

Uma visão alternativa dos sites da organização

  • Uma abordagem que se baseia na cadeia de valor para os stakeholders e no desempenho econômico da organização
     

  • Uma abordagem com a ajuda de ferramentas que permite focar nas dimensões importantes:
     

    • alinhamento com a Direção Geral,
       

    • trocas com as equipes e stakeholders,
       

    • simulação econômica de cenários organizacionais para embasar e facilitar a tomada de decisão

SEUS RESULTADOS

Uma organização redesenhada

  • A primeira fase, diagnóstico, abrange o mapeamento da organização e dos processos existentes, a entrevista das equipes internas e stakeholders externos e a modelagem “macro” de custos por atividade da organização
     

  • A segunda fase, iterativa, combina a definição do escopo com a gestão, a capacitação das equipes e a análise de valor para os stakeholders
     

  • A terceira fase, formalização e lançamento: geração de organogramas, atualização dos padrões de competências, descrição de atividade, gerenciamento de mudanças e planejamento

 
Projeção e gestão estratégica
SIMULAÇÕES ECONÔMICAS PARA AS DECISÕES ESTRATÉGICAS
SEUS OBJETIVOS

Ter disponível uma ferramenta de simulação econômica

  • Analisar diferentes cenários de projeção orçamentária
     

  • Levar em conta as premissas do negócio para simulações econômicas frequentes

NOSSA EXPERIÊNCIA

Uma abordagem de simulação econômica que capitaliza o modelo de custos

  • Identificar as regras de negócios a serem levadas em conta para as simulações econômicas
     

  • Definir as regras do comportamento das atividades e dos recursos do modelo de custos
     

  • Utilizar ferramentas dedicadas para implementar e analisar os diferentes cenários das simulações

SEUS RESULTADOS

Uma projeção de custos baseada em cenários

  • Os diferentes cenários de simulação permitem orientar as projeções estratégicas de forma eficaz

GESTÃO ESTRATÉGICA BSC
SEUS OBJETIVOS

Definir e gerenciar a execução operacional da estratégia

  • Reforçar a integralidade e coerência de uma estratégia definida
     

  • Desmembrar a estratégia na organização, tornando visíveis os objetivos e as prioridades
     

  • Supervisionar sua execução de forma eficaz e implementar um processo de melhoria contínua

NOSSA EXPERIÊNCIA

Uma abordagem estruturada para uma implementação coerente e sem burocracia

  • Formalizar explicitamente com a alta gerênciao a missão e os objetivos da organização
     

  • Determinar as principais ações para alcançar os objetivos e os indicadores correspondentes
     

  • Desmembrar objetivos, ações e indicadores nas diferentes partes da organização
     

  • Criar e publicar dashboards de indicadores coerentes
     

  • Estabelecer a gestão através de um ciclo de análises de desempenho e de melhoria contínua

SEUS RESULTADOS

Uma estratégia gerenciada

  • Uma primeira fase de diagnóstico atual (objetivos estratégicos, indicadores, planos de ação)
     

  • Uma segunda fase iterativa que permite formalizar e organizar os diferentes componentes da gestão estratégica
     

  • Uma terceira fase de formalização e estabelecimento da gestão estratégica: geração de ferramentas do painel estratégico

 
Grupo de benchmark de funções transversas
POSICIONAMENTO DA SUA ORGANIZAÇÃO ATRAVÉS DE MAIS DE 200 INDICADORES
SEUS OBJETIVOS

Comparar-se de maneira eficaz com seus pares

  • Dispor de elementos de comparação quantitativos
     

  • Propor trocas “qualitativas” com base no feedback de atores comparáveis

NOSSA EXPERIÊNCIA

Um grupo de benchmark baseado em uma padronização francesa “aberta”, a do DFCG (Associação de Diretores Financeiros e de Controle de Gestão)

  • Propor que as organizações compartilhem informações sobre seus custos dentro de uma comunidade restrita, com base em um modelo de referência comum.
     

  • Este modelo é o resultado de um grupo de trabalho de 25 empresas.
    Abrange as 16 principais funções transversas comuns a qualquer empresa (finanças, controle de gestão, RH, Compras, TI, Qualidade, Jurídico, etc.)

  • As comparações são feitas com base em indicadores validados pelos participantes, sempre respeitando as regras de confidencialidade de cada um

SEUS RESULTADOS

Publicação de um anuário

  • Mais de duzentos indicadores comparados
     

  • Um resumo completo dos workshops e feedbacks

 
CAPACITAÇÃO
CATÁLOGO DE CAPACITAÇÕES
OTIMIZAR A SUA ORGANIZAÇÃO E SEUS PROCESSOS
  • Compreender e diagnosticar a organização in loco
     

  • Construir uma nova organização baseada em seus processos
     

  • Configurar e desmembrar operacionalmente uma organização

GERENCIAR SUA ESTRATÉGIA ATRAVÉS DO BALANCED SCORECARD (BSC)
  • Reformular os objetivos estratégicos de acordo com os 4 eixos do BSc
     

  • Desmembrar os objetivos estratégicos em diferentes níveis hierárquicos
     

  • Para os vários níveis do BSc, escolher e definir os indicadores associados aos objetivos
     

  • Para todos os objetivos, enumerar os planos de ação (em andamento, identificados ou a serem desenvolvidos) que estejam diretamente relacionados aos indicadores

AS ABORDAGENS DE COMPETITIVIDADE
  • Descobrir e implementar as ferramentas práticas para envolver e gerenciar as abordagens de competitividade.
     

  • Compartilhar as abordagens de melhoria para as principais áreas e processos da empresa.

AS FINANÇAS PARA OS NÃO FINANCEIROS
  • Compreensão dos processos contábeis / financeiros como um todo
     

  • Consciência da importância do equilíbrio financeiro da empresa
     

  • Apresentação das principais declarações, requisitos fiscais e prestação de contas

DESEMPENHO ECONÔMICO E RESPONSABILIDADE SOCIAL
  • Compreender os fundamentos do desempenho econômico da empresa
     

  • Levar em consideração as abordagens do desenvolvimento sustentável aplicáveis às empresas
     

  • Dispor de ferramentas e práticas simples para um desempenho econômico responsável para cada função da empresa.

CAPACITAÇÕES SOB MEDIDA

Treinamento adaptado às suas necessidades, para construirmos juntos

  • Análise do contexto, entrevistas com stakeholders
     

  • Projetos de treinamento e capacitação, identificação de ferramentas digitais
     

  • Sessões de teste
     

  • Coaching dos responsáveis pelos treinamentos
     

  • Auxílio à organização

datadocké.jpg
 
Ferramentas
AS FERRAMENTAS
Logo_psa_couleur.png

Professional Services Automation

Gerenciamento de atividades ligadas à produtos e serviços

Logo_abc_couleur .png

Activity Based Costing

Custos completos de produtos

e serviços

Logo_apm_couleur.png

Action Plan Management

Gerenciamento de planos de ação

Key Performance Indicator
Balanced Scorecard

Activity Based Budgeting

Key Performance Indicator

Balanced Scorecard

Logo_sim_couleur.png
 
ARTIGOS
Responsáveis
RESPONSÁVEIS DA ÁREA
Igor Le Pivert
IGOR LE PIVERT
Sócio, Diretor de Operações
Olivier Brongniart
OLIVIER BRONGNIART
Presidente, Co-fundador